guia 2012

Caríssimas vegetais,

Aí temos o apanhado para 2012 de lugares para se comer veganamente em Brasília. Essa lista  é o resultado concreto da nossa rede de contrabando de informações e solidariedade vegana, desde sempre, o principal objetivo do Distrito Vegetal.

Dessa vez, conseguimos listar mais de 90 lugares para você comer sem derivados de animais.  Acho que é bastante coisa pra nossa cidade. Da junk food colonialista ao crudivorismo asceta, do restaurante gourmet à barraca de rua, tem pra todos os gostos.  Tivemos algumas perdas queridas do ano passado pra cá, mas sem dúvida muitas novidades bacanas.

Bem, as observações do guia do ano passado continuam atuais:

1) Essa lista se manterá em frequente atualização. Aproveite os comentários para deixar novas sugestões para que o guia cresça monstruosamente e domine Tóquio.

2) Não visitamos todos os lugares que estão na lista. E mais importante, não visitamos as cozinhas de todos lugares listados. Muitos estabelecimentos estão presentes pelas dicas de pessoas que visitam o blog e de informações e perguntas que fizemos pra garçons, balconistas, cozinheiros. Não vejo nenhum problema nisso. Você pode ter o veganismo desconfiado que você quiser, eu prefiro um veganismo que acredita nas pessoas e a princípio não vê motivos para desconfiar das intenções  delas. Isso significa que:

3) Se tem alguma coisa nesta lista que você acha que não é vegan, aponte de maneira simpática onde está o problema. Já tem polícia demais nesse mundo, não acham? Vamos aproveitar 2012 pra cultivar um veganismo mais solidário, concordam?

Com aquele carinho e disposição de vegetal,
Poney

O GRANDE GUIA VEGANO – BRASÍLIA 2012

lista de lanchonetes com opções veganas

- Café Corbucci – 203 norteO primeiro da lista tinha que ser esse. Até hoje, o único estabelecimento 100% vegan na cidade cemitério. Sanduíches, pães-de-queijo-sem-queijo, tortas de chocolate, cappuccinos, quiches e muito mais (dependendo do dia da semana) sem nenhum derivado animal que não seja  a ralação de quem toca essse estabelecimento pra frente.Quando de sua inauguração, eu escrevi uma resenha, uma carta de boas vindas, uma declaração de amor ao Café. Confira.

- Sky’s – 106 sul, 716 norte e 312 sul. O veganismo venceu e continua seu reinado de dominação na lanchonete ais tradicional da cidade. Hamburger, açaí e batata frita. A santíssima trindade da junk food vegan. O rango vegan no Sky’s é uma vitória pessoal do Distrito Vegetal. Uma prova de que a ação direta (ou encher o saco) consegue mudar alguma coisa. Além de tudo isso é o ponto de encontro dxs roqueirxs depois dos shows e o local em que o Joaquim Extremo foi visto pela última vez.

- The Plates – 706 norte – escolhido pelo criterioso Distrito Vegetal como o melhor hamburger vegan do cerrado. Peça o hamburger lá (tem que ser o número 9, esse é vegan) e o milk shake na palazzo.

- Fifties – Píer 21 – filial paulistana de hamburgueria refinada. Tem um hamburger vegetariano a base de linhaça, controverso, eu aprovei. Como é você que escolhes os acompanhamentos, fica fácil de comer vegan e de pagar caro.

- Three Burgers – 413 Norte – hambúrguer feito com shiitake, shimeji, berinjela e batata-baroa que, além de enorme é delicioso. Tem que pedir o burger “veganizado” – caso contrário vem com mussarela – no pão multigrãos (que é bom pra c@r@l$*), porque as outras duas opções de pão levam ingredientes de origem animal. O atendimento é fera demais e eles “adoram veganxs”, segundo o próprio dono. Se escolher o acompanhamento de salada, tem que pedir para vir sem molho, porque é à base de ovo. Mas depois rola um aceto balsâmico e azeite. O outro acompanhamento é batata frita, aí não tem como errar

- Submore – 211 sul – Agora eles tem um sanduíche vegan de nome “veggie” com pasta de homus e legumes grelhados, batata frita e o Açaí La Nieve (ou “do Juan”), o melhor da cidade. Além disso você pode pedir salada ou montar um sanduíche vegan frio. O foda é que a única pasta sem maionese é uma de ameixa, que deixa tudo com um gosto meio estranho. Confira as resenhas aqui e aqui.

- KEB -105 Sul, bloco C,3242-0522. Tem a opção KEB Vegan (mix de cogumelos, bababababababababaganouch, tofu defumado e mix de vegetais). Além disso, tem uma batata assada no forno com 10 especiarias orientais que tb parece muito bom.

- Ômega 3 - 413 norte. O ômega é praqueles dias em que você quer comer bem. O preço não é dos mais agradáveis, mas lá tem escondidinho de shimeji, sanduíche vegan de cogumelos, leite de castanha, açaí, torta de banana integral, delícia de morango, creme de abacate… ufa! Sem contar que o pessoal lá é super simpático ao veganismo e fizeram até uma semana sobre o tema em 2010. Leia a resenha.

- Natura Dog – 208 norte. Carrocinha-de-cachorro-quente-de-entrada-de-quadra. Old school, como você nunca mais pensou que iria comer. Veganismo retomando as ruas e as práticas que formaram nosso caráter. Com pastinha de alho vegan e a simpatia do Bola. Leia nossa resenha.

- Calango Hot Dog – 208 sul. Monte seu cachorro quente vegan. Várias opções e combos com açaí e/ou batata frita.

- Nação Hot Dog – 108 sul. Também de montar cachorro quente, tem o enigmático molho curry, que nos juraram ser vegan.

- Estação do Guaraná – 106 Sul – Salada, Açaí, Batata Frita, arroz com brocólis. Antes eles tinham um delicioso Wrap Veggie com abobrinha, mas acho que saiu do cardápio.

- Marietta – 103 sul, 214 norte, 210 sul, qi 09 lago, terraço shopping, iguatemi, park shopping, casa park, conjunto nacional.  rola uma salada daquelas de montar, mas muito bem feitinha mesmo, deliciosa, porém cara. No marieta café também dá pra pedir o sanduíche de shitake e pedir pra tocar o queijo por abobrinha. bacana é o energético (açaí e mate) só tem que pedir pra vir sem leite.

- Temakerias - tem uma porrada espalhada pelo Plano. o lance é pedir um cone de shitake e uma sopinha de tofu. Rola espetinho de cogumelo com cebola também e tempurah. Lembre de pedir sempre pra fazerem seu cogumelo no azeite e não na manteiga. Na 214 norte, tem o Japs com temaki com alho poró frisado! Uma das primeiras resenhas do DV.

- Habib’s - 506 Norte – Homus com Batata Frita. O pão é vegano sim, porra. Investigadores internacionais continuam debatendo se o espinafre é vegan, então cabe a você decidir se gambiarra de esfiha de espinafre sem o queijo tá valendo ou não.

- Green’s – 303 norte e 202 sul – o green’s não é muito legal pra almoçar se você é vegan. Mas o jantar tá caprichado. Além dos caldos, tem mais de um sanduíche quente com tofu que é uma delícia.

- Balaio – 201 N – tem um sanduíche de shitake muito gostoso e umas coisas lá podem ser feitas com leite de soja (capuccino, etc).

- Acarajé - Torre de TV quiosque da ponta esquerda – com vatapá (sem camarão) e saladinha.

- Pastel de Palmito – Feira do Guará – gostoso até pra quem não gosta de palmito, pra quem curte caldo de cana é uma boa também.

- Pastelaria do Caio – Torre de TV – Tem pastel de palmito, que você pode combinar com um caldo de cana.

- Ilha do Pastel – venâncio 2000 e taguatinga shopping, (que tem inclusive prato feito vegan) tem o palmito, palmilho, soja, sojamilho… além da sensacional limonada suíça, a melhor do mundo.

- Pastel de Vento – 407 – monte o seu pastel vegan e peça um açaí.

- Burger Gourmet - 412 norte- Hamburger vegan com buffet de saladas. Também rola um chile veggie e sem contar que o gringo já apoiou dois shows de hardcore na cidade. É mole ou quer mais?

- Martinica Café – 303 norte – duas sopas veganas: a de lentinhas e a de abóbora. Com isso e a tapioca que pode ser feita com azeite + tomate seco, (embora não esteja no cardápio), duas coisas para comer. Há uma promessa de sempre ter disponível leites vegetais para cafés e chocolates.

- Café Capella – 109 norte – o café traz no cardápio um cuscuz vegetariano e fazem a forma com azeite ao invés de manteiga, se solicitado. Tem também tapioca de berinjela, dá um belo combo com um café espresso

- Tapiocaria do Sertão – 311 norte – eles têm quatro sabores salgados com proteína de soja (não costumo comer mas até abri exceção, rs), dois são com queijo mas deve ser tranquilo pedir pra trocar! Lembrem de pedir pra trocar a manteiga de garrafa por azeite, eles tb têm sabores doces!

- La Porteña – 202 norte – Lanchonete de preços baixos e empanadas argentinas. Deliciosa empanada “Mediterrânea” de berinjela, que o dono de lá me afirmou ser vegana.

- Naturale – Loja de produtos naturais na 106 norte. Ótimo lugar pra comprar quitutes veganos. Tem também o café com algumas opções de salgados veganos, inclusive, eles costumam vender as mesmas empanadas do “La Porteña”.

- o (sobre) Natural, UnB, que tem torta de berinjela  e quibe de soja: os dois veganos. Fica no subsolo ao lado dos CA’s de História, Filosofia e Geografia. Confira a resenha.

- Bistrô Bom Demais - no CCBB: tem sopa de abóbora e gengibre, batata e alho-poró e creme de coentros, sanduíche de homus, berinjela, shitake e pimentão e risotos, por que podem ser veganizados E mais uma vez, no sobremesa for you, vegan!

- T’Açaíndo – Pão de Açúcar do Lago Norte. Um dos melhores açaís da cidade. Dá pra pedir uma batata frita ali no Giraffas pra complementar.

- Quituart - QI 9 do lago norte – tem uma tendinha árabe lá e tem o sushi vegan, dá pra pedir o famigerado barquinho de soja. Altamente recomendado.

- Sabor Café - SBN – tem açaí da La Nieve e dá pra pedir tapioca com azeite. Um bom quebra-galho pra quem trabalha na região.

- Fast Nature – 313 norte – tem açaí (bem gostoso) e rola de pedir vitaminas com leite de soja.

- Bendito Suco - 413 norte – tem açaí, muitos sucos deliciosos e rola de pedir vitaminas com leite de soja.

- Nazareth café - Setor de Radio e TV Sul – Multiempresarial Bloco O – sanduíches pra montar por R$ 4,80.

- Kikebab – 110 Norte Bloco B loja 38 – Kebab de vegetais (com abobrinha e beringela na chapa, acompanhado de salada). Delícia!

- Dudu Bar303 sul -É caro, mas é bom. Tem opções veganas, com indicação no cardápio. Recomendaram o cuscuz marroquino com legumes e castanha-do-pará.

- Tacolino – Pier 21 – Rola no esquema gambiarra, pedindo pra tirar o queijo do Burrito Veggie.  E também, segundo a dona, os nachos não têm queijo na composição, ou seja, dá pra pedir um guacamole e talvez outro dip (à pesquisar) e uns “bons nacho” e curtir um fast-food mexicano.

- Café da Livraria – UnB – Rola um pastel assado de legumes, boa companhia pra tomar um café e matar aula.

- Caldo de Rua – 410 Norte – outra opção pra quem gosta de comer na rua, nas carrocinhas de entrada de quadra. Todo dia tem uma opção vegetariana, nem todo dia é vegana.

Macarrão na Rua – 206 Norte – pelo que indicaram tem um macarrão ao sugo que é vegano.

Bomboniere Pollylau – ICC sul na UnB – Lá frequentemente tem três entregadores diferentes de salgados veganos. Inclusive o famoso empadão de palmito

Marvin – 110 Norte, Casa Park, etc. – O Daniel nos mandou a seuinte novidade: “O Marvin tem opção vegana agora. A quase três meses, vc pode chegar no Marvin e pedir seu hamburger preparado sem queijo e sem ovo na receita…..mandei e-mail para acessoria e eles confirmaram. Uma vez, no Iguatemi, não quiseram fazer o hamburger vegano para mim, mandei e-mail e me responderam pedindo desculpas”.

Pastelândia/Famiglia Regina – Píer 21 – Você que escolhe os ingredientes do seu pastel, ficando fácil de optar por ingredientes veganos.

- Bistrô Bom Demais – Sebrae Nacional 605 sul -  Tem acompanhamentos, salgados e cappuccinos veganos.

- Caferô -  307 Norte – Acabou de abrir. Nesse início estão focando a proposta no café da manhã, com sucos vivos, pão integral de fabricação própria, salada de frutas especial e alguns alimentos vivos. Também rola uns congelados vegetarianos e veganos, e aceita encomendas de leites vegetais! Uma das sósias é nossa correspondente, Edith.

- Subway – em quase toda esquina – pra quem tem preguiça de fazer um pão com alface em casa, peça o vegetariano sem queijo e boa sorte em engolir o mato.

lista de restaurantes com opções veganas

- Sabor Vital – 316 norte – Particularmente, o meu favorito. Não é o restaurante vegetariano com mais opções da cidade, mas tampouco servem qualquer tipo de carne. É um restaurante vegetariano relativamente simples. O lance é que cada uma das coisinhas que eles servem é deliciosamente bem-feita. Tem AMOR, sei lá.  Leia a resenha.

- Amor a natureza – 311 norte – restaurante vegetariano com opções veganas. Cuidado! A feijoada não é vegan.

- Boa saúde - 702 norte Bl.D Loja 128 e Taguatinga Sul – Melhor bife de gluten da cidade. Preço camarada e folgas aos sábados.

- Fogão chinês – 402 norte, bloco E – comida chinesa. self-service no almoço todos os dias, tele entrega e não fecha a tarde.33270064 ou32017283. Também tem rolinho sem carne!

- Girassol- 409 sul- restaurante e pequeno empório de coisas naturebas com  opções veganas. As noites rola um rodízio de sopa muito gostoso, com opções, com menos de 7 reais você come o tanto de sopa que agüentar. Um dos melhores vegetarianos da cidade. Leia a resenha.

- Bhumi - 113 Sul – tem vários pratos veganos. Porém, os destaques – na opinião da Mel – são: o couvert, o sanduíche de pão folha integral (muuuuuuuito recheado com ricota de tofu ao molho de tomilho, pimentões e berinjela grelhados, carpaccio de abobrinha e algumas ervas aromáticas) e o hambúrguer de tempeh.

- Greens - 303 norte – A salada é deliciosa mas não é sempre que tem alguma coisa vegan interessante. Um dos destaques é o acarajé de soja com vatapá de abobora lá, delícia. O chato é que tem muita carne, de avestruz e outras coisas desagradáveis.

- Manara - 706 norte – agora funciona na hora do almoço apenas: tem falafel, hommus, babaganuche e esfirra de chicória. Dá pra encomendar tudo, ano passado foi o cardápio da 1ª festa da brigada anti-balada.

- Natureto - 405 norte, 403 sul e 116 norte – Bem parecido como greens. Costuma ter mais opções vegan. Uma coisa muito legal é que discriminam tudo que tem derivados. Se você estiver na pegada sopa, rola uma sopa com umas pastas a noite. O da 403 sul tem rodízio de massas.

- Damak – Deck Norte – restaurante selfservice com bastante opção vegana. delícias como bobó de tempeh, moqueca de banana, seitan xadrez, feijão azuki, além de legumes e verduras. Com indicação em plaquinhas de com ou sem gluten e lactose.

- Terra viva - 202 norte – restaurante vegetariano e pizzaria. Muitas coisas com queijo, entretanto.

- Rei do Glúten – 411 sul – restaurante vegetariano. Como o nome diz, várias opções diferentes de Glúten.

- Quinoa - SRTVS – restaurante vegetariano. Uma boa opção pra quem trabalha por ali.

- Lagash – 308 Norte – restaurante árabe meio facada, mas com um inequecível quibe de batata. Pense numa iguaria vegan. Taí.

- Flor de lótus – 102 norte – muito gostoso. Algumas coisas tem carne, nada tem leite. Bastant caro, mas muito agradável. Destaque pro nhame palha, que bela invenção.

- El Paso Texas – 404 sul, Terraço Shopping e 110 Norte – nos dias de bufê (quarta e quinta à noite, sábado e domingo no almoço) dá pra comer nachos com guacamole, salsa roja e bean dip (peço este sem queijo), além disso, peço para eles fazerem chimichangas sem queijo (só com cenoura) e tacos só com salada, aí eu você  tacafeijão e guacamole dentro do taco.

Pequim – 405 Norte – além de ser o melhor chinês na cidade (sugerido por alguém da linhagem e bastante exigente, hehe), também tem algumas opções muito gostosas e relativamente acessíveis. Lá tem o melhor rolinho primavera (só tem uma opção: de verduras), além de pratos ótimos à base de tofu.

- Long – 405 Sul -  também na pegada sino-brasileira, o Long tem uma seçãozinha do cardápio voltada só para opções vegetarianas. É do mesmo dono do extinto Xangai, que teve uma resenhazinha no começo do DV.

- A Tribo - 105 norte – nãoé estritamente vegetariano, mas possui uma coisa legal que é ter opções veganas de comida bem brasileira, como macaxeira e jerimum.

- Chilli pepper – 214 Norte e 215 Sul – Rango Mexicano que você pode pedir tudo sem carne e/ou derivados de animais. Desde o último equinócio, o da Asa Morte tá bem ruinzinho. Confira a resenha feita nos tempos gloriosos.

- Empório Árabe Restaurante – Avenida das Castanheiras 1060, Loja 24 – Edificio Vila Mall – Águas Claras – Telefone:(61) 3436 0063 – rola um falafel supimpa.

- Mittelalter – 203 Norte: Tem duas opções de risoto vegano, Duomo di Milano e Risotto Primavera – tem que pedir para não finalizarem o prato com parmesão ralado.

- Salad Creations – Brasília Shopping e Park Shopping – Além da salada pra montar (que eu acho das mais gostosas), tem  um wrap chamado “Veggie Wrap”, com Alface Romana + Cenoura + Tomate + Crouton + Beterraba + Cebola Roxa + Milho + Pimentões + Molho: Vinagrete Balsâmico. Não é ruim, mas custa quase R$ 20,00.

- Restaurante Universitário – UnB – o famigerado “bandeijão” tem um andar só de opções vegetarianas/veganas. é baratinho, e se você não passou 5 anos comendo lá todo dia, vai adorar a silverinha de soja.

Club Nature – Setor de Clube, ao lado do Píer 21 – Self Service de comida “natural”. Tem opções gostosinhas vegetarianas, bons sucos e açaí. Mas também tem carne e o preço é salgado.

- Livraria Sebinho – 406 Norte – Tem um bistrô que sempre serve opção vegana no almoço, além de várias opções do à la cart. Vale a pena conferir .

lista de pizzarias com opções veganas

pizza é sempre um assunto delicado quando se trata de alimentação livre de galináceos*. massa com molho e folha não é exatamente uma delícia da culinária vegana, mas se algum dia te convidarem pra comer uma pizza no aniversário de alguém, talvez seja bacana você recomendar os seguintes lugares**:

- Francesca pizzaria artesanal: Condomínio Quintas do Alvorada e Vila Planalto. Tem pizza vegana.  E o nome da pizza é esse, ou seja, eles sabem o que é vegano. Dêem uma olhada no site e vejam como eles explicam direitinho que a massa da pizza não tem ingredientes de origem animal: http://www.francesca.com.br/cardapio.htm. E, além disso, tem pizza de chocolate sem leite. Sim, podem chorar de alegria. Leia a resenha.

- La Fornacella, 312 Norte:  Tem duas opções de pizza automaticamente vegana:  Marinara e Rossa ai Funghi. Tem também uma que vem sem queijo e é só pedir pra fazer sem a calabreza, bem apimentada, minha favorita. São pizzas mais tradicionais e simples do que a gente tá acostumada por aqui, acho que isso conta como experiência gastronômica também.

- Santa Pizza, 207 sul: tem uma pizza vegetariana que já vem sem queijo. Abobrinha, beringela, tomate e manjericão. Uma delícia!!

- Pianino, 411 sul. peça sem queijo e aguente a cara de espanto do garçom. sabores com cogumelos, tomate seco e abobrinha ajudam a suprir a falta do queijo. não é nenhuma maravilha, mas chega de veganismo triste né? hehe.

- Dona Lenha, 201 sul, terraço shopping. tem uma pizza de 3 cogumelos (shitake, shimeji e cogumelo paris, se não me engano) que dá pra pedir sem o queijo e é uma delícia. o preço é salgadinho.

- Terra Viva, na 202 norte, que tem pizza vegana. Eles cobram 18 pilas, não entregam e fecham pouco depois das 20 hras. Mas a pizza é bem gostosa e você escolhe o sabor.  (sugestão do André)

- Pizza a Bessa, quadra 103 sudoeste, opções veganas se você customizar. Cogumelos e berinjela são sempre uma boa pedida.

- Naturetto Família, 403 sul,  você pode montar suas pizzas com tofu. Capriche no sal e no catchup e peçam pra não terem dó no shitake. Tem que pedir adiantado a opção de massa vegana que eles fazem pra você.

- Baco Pizzaria, 309 norte, tem sempre super boa vontade em fazer pizza sem queijo, com ótimos resultados.

- Uno Fratello, na 110 norte, o pessoal é super-atencioso e atendem super bem na hora depedir pra tirar queijo de alguns sabores.

*gíria marota importada do Ceará para se referir aos derivados animais: leite, ovo, etc.

** um detalhe importante paa sua customização: massa de pizza boa não leva leite nem ovo na massa, mesmo que o recheio seja de calabreza.

lista de sorveterias com opções veganas

- Palazzo – 706 norte. Um absurdo o chocolate de soja dos caras, um negócio absurdamente sensacional. E sem aquele gostinho reminiscente de Ades! Oh, glória. ainda fazem milk shake e tem uns outros dois sabores sem leite. Mas aí, experimenta mesmo é o de chocolate. Confira a resenha.

- Palato – 309 norte – tem uma série de sorvetes vegan, daquele tipo “neve”, como dizem os argentinos.  sorvetes de fruta e tal.

- Sorbê – 404 norte, 211 sul – rola uns sorvetes artesanais vegan de umas coisas estranhas tipo Buriti e de umas coisas mais legais, tipo amora. Tem um sorvete muito foda de chocosoja (mas tá em extinção), tem um de canela com linhaça que parece sorvete de flocos e também um de morango a base de leite de soja. a-ni-mal. sensacional pra quem tá cansadx de fazer os próprios sorvetes. o preço é que não é muito camarada.

- Napolitá - 311 norte – tem a opção de sorvete sem lactose e tem até site.

-  Sottile Gelato – Rua das Pitangueiras lote 05 (em frente a estação Arniqueiras do metrô – águas claras). Os sorvetes são feitos à base de soja nos sabores chocolate (ferrero Rocher), morango, coco,morango e maracujá. Dá para fazer umas banana-splits e milks-shakes.

- Delícias do Cerrado – 212 sul – tem várias opções sem leite, com frutas bem diferentes. (tem pequi? eca!)

- Torteria di Lorenza – 214 e 115 norteaparentemente, em dois sabores de sorvetes sem leite, Morango e Açaí.

lista de empórios, vendinhas e comida congelada

- Botica lá no conic, que é muito bacana, tem muita variedade e o preço não é ruim. dá pra achar sempre o doce de leite horroroso de soja. hehe.

- Mundo Verde (meio fajuto pra quem conhece os mundos verdes por ai, mas que tem melhorado) no conjunto nacional, ali atrás do burger king, na praça de alimentação. lá da pra achar o levedo de cerveja em flocos, importantíssimo pra fazer veganrela.

- Pão do Alemão – 213 norte – padaria com uns pães integrais especiais totalmente vegans.

- Empório Bem Estar - 113 norte – vendinha de suplementos e alimentos naturais.

- Vita Zen – 716 norte – lojinha que você encontra, entre outras delícias, leites vegetais. Lá eles vendem um creme vegano de avelã com cacau (tipo Nutella) da marca La Finestra

- Mel do Sol – 403 norte – além de ser da família do Tubarões, tem uma série de biscoitos integrais leites vegetais e alimentos sem galináceos. se você é vegan que come mel, ainda pode achar uns biscoitinhos maneiros.

- Mercadinho Mikami – 414 sul – Tem pasteizinhos de uma marca coreana chamados Crispy Dumplings. O de “Tofu and vegetables” é incrível, bem com aquele tempero característico de comida oriental. O saco com vários não é exatamente barato (foi uns 16 reais) mas rende bem. E o melhor: é vegão! É só procurar na geladeira de congelados.

Falafel Capital – Feira do Produtor de Vicente Pires, Box 14, tem: bolinho de falafel, sanduíche de falafel, pasta de berinjela, pão integral e salgados.

- Alimentum – 705 Norte. Loja de produtos naturais, bastante variedade e os preços são bons também. Além dos produtos, eles servem lanches que são servidos, entre sanduiches integrais frios, alguns vegans, tortinhas integrais salgadas e doces, algumas vegans também, e deliciosos brigadeiros, parece que são todos vegans.

- Mariá Doces e Salgados – Um bocado de quitutes vegans congelados. Várias coisas gostosas que você pode encomendar. Mais pelo email: mariasalgadosespeciais@gmail.com

- Soham – faz vários alimentos veganos por encomenda. Entre eles, pizzas veganas com queijo de amendeoas! contato: 8214-6448 sohamterapia@gmail.com

Além disso vários restaurantes vegetarianos costumam disponibilizar prateleiras para produtos vegan. Dá pra achar um monte de coisa legal no Amor à natureza (310 norte), Girassol (409 sul), Boa Saúde (Radiocenter), etc.

152 responses to this post.

  1. [...] O GRANDE GUIA VEGANO – BRASÍLIA 2012 [...]

    Responder

  2. Posted by Sara Lelis on janeiro 11, 2012 at 2:14

    De pizzaria também tem a Santa Pizza que tem a pizza vegetariana que já vem sem queijo. Abobrinha, beringela, tomate e manjericão. Uma delícia!! Fica na 207 sul.

    Responder

  3. pra vc que quer sobremesa, encomenda alfajor comigo e leva pros restaurantes! hahaha
    alfajor vegan -92936833
    (:

    Responder

  4. Posted by Berns on janeiro 11, 2012 at 3:06

    COe Poney,
    ta faltando o Mamutes na Asa Morte, eh um novo restaurante q serve tanto junk food quando comida ( estilo girafas) e tem opção vegana ( humburguer de soja sadia). Varias combinaçoes de pratos e de hamburguer e ao invez de batata frita vc pode oedir uma porçao de bolinho de mandioca. Eu particularmente acho melhor q o SKY’s a MIl!!so nao sei si tem açai. Mas eu sempre como lah com a minha companheira e eh du caraio,

    Beijo

    http://www.mamutesgrill.com.br/2012/

    Responder

    • Posted by Poney on janeiro 11, 2012 at 22:24

      Fale Berns!
      então, acho que o hamburger do mamutes é o da Sadia, que leva ovo.
      acho que vale a pena a gente entrar em contato com eles, vou lançar essa campanha aui no blog. =)

      Responder

    • Posted by Eduardo Landívar on janeiro 14, 2012 at 23:53

      Então, fui ao da asa norte semana passada por acaso, depois de almoçar no Amor a Natureza que fica em frente, só p ver se tinha hambúrguer de soja e fiquei impressionado com a quantidade de sanduiches voltados p o público vegetariano!! As opções abaixo listadas deixam bem claro que esta lanchonete não é apenas mais uma que está incluindo este tipo de alimentação, simplesmente p satisfazer um eventual cliente.
      Nesse dia fiz questão de conversar c o responsável da unidade da asa norte e conheci a Cássia Teles, consultora e assessora em alimentos da rede Mamutes do DF. Obviamente parabenizei pela iniciativa e pelo cardápio, o qual considero até agora, ser o mais amplo do DF em variedades e de excelente sabor e qualidade na linha fast-food!
      Também falei com ela sobre a falta (ainda) de um sanduíche totalmente vegan. Ela se mostrou super aberta e disse que poderia disponibilizar mais esta opção, só ainda não havia feito pela falta de conhecimento no assunto. ;¬).
      Aproveitei e tbm disse existiam sorvetes sem leite e seria possível fazer seus tradicionais milkshakes com leite de soja, ela adorou a ideia!
      Enfim pessoal! Vamos dar uma atenção especial p àqueles que realmente nos dão atenção! As filiais; Lago Sul (Shopping Jardim Botânico), Asa Norte (310N) e Asa Sul (203S), ainda não são tão frequentados. E só vão continuar tendo esta vasta opção vegetariana, ou aumentar, se formos lá! Provei a aprovei mto até agora o soja-chique e vegetariano integral!
      Agora uma opinião…apesar de alguns vegetarianos serem adversos a comerem em locais em que hajam o compartilhamento de alimentos de origem animal e não animal. Acho que todos nós em algum momento, saímos com amigos não vegetarianos e dependendo do local, acabamos inevitavelmente criando uma situação desconfortável e às vezes até embaraçosa. Vejo então nessa lanchonete, uma ótima oportunidade de compartilhar com nossos amigos, não só a refeição, mas ótimas conversas e reflexões! E desde já digo q tenho aversão àqueles vegetarianos q tentam doutrinar a todos, dizendo q o caminho q escolhemos é o melhor em vários sentidos e blá,blá,bla! Prefiro usar a política de o gesto valer mais do que palavras. Simplesmente com isso, já causo mtos efeitos positivos nutricionais, ambientais e sociais com todos que andam comigo apenas comendo de bico calado! Acreditem! Agora se questionado, certamente dou minhas sinceras, cuidadosas e respeitosas opiniões! HEHE!
      Bom apetite galera!

      Responder

      • Posted by Eduardo Landívar on janeiro 14, 2012 at 23:55

        SANDUICHES LEVES:

        SOJA CHIQUE-Pão integral com gergelim, hambúrguer de soja de 56g, duas fatias de queijo prato, rúcula, tomate seco e molho especial.

        BIG SOJA-Pão integral com gergelim, dois hambúrgueres de soja de 56g cada, duas fatias de queijo cheddar, molho shoyo acebolado.

        VEJETARIANDO INTEGRAL-Pão integral com gergelim (sem ovo e leite), duas fatias de queijo prato, rúcula, tomate, picles e molho french.

        LEVÍSSIMO DE SOJA SALADA-Pão padrão, hambúrguer de soja de 56g, uma fatia de queijo prato, tomate, alface, picles e maionese.

        VEGETARIANO ROYALE-Pão royale, duas fatias de queijo prato, alface, tomate, cenoura e molho especial.

        LEVÍSSIMO DE SOJA-Pão padrão, hambúrguer de soja de 56g, uma fatia de queijo prato e molho barbecue.

      • Mas o hambúrguer que eles usam não é vegano, é aquele da Sadia, não?

        E o pão padrão? Acredito que leve ovo e leite, como 90% dos pães pra hambúrguer.

        Ou seja, os veganxs nem podem ir lá dar uma “força”, nesse caso. A não ser que eles mudem o hambúguer pra Perdigão e só sejam pedidas as opções nesse pão integral aí…

        Para atender o público vegan, eles teriam que fazer algumas modificações e talvez, pra rede, não seja interessante agora. Requer investimento com pesquisa de produtos, mercado e etc. Eles não podem mudar de uma hora pra outra, só pra agradar “alguns”. A única coisa que eu acho mais viável, a curto prazo, é encher o saco pra que mude a marca de Sadia pra Perdigão.

      • Posted by poney on janeiro 17, 2012 at 19:23

        tô esperando uma resposta do pessoal do Mamute’s sobre a possibilidade de mudar o hamburger pra Perdigão. =)

      • Posted by cati@gmail.com on fevereiro 25, 2012 at 19:50

        Eles providênciaram os dois hamburgesda Sadia e Perdigão comi hoje!!!!

  5. Adooooro esta página! Valeu, pessoal! ^^

    Responder

  6. Aeee!!! Muito bom o guia 2012!! Bom demais ver que essa lista só cresce.

    E pra ajudar nessa empreitada vegan, lá vão mais alguns “incrementos”:

    - Além de a feijoada do Amor à Natureza não ser vegan, o mousse de tofu também não é. Eles usam gelatina comum pra dar liga;

    - Uma vez eu liguei no Fifties e o rapaz me falou que o hambúrguer deles leva ovo, também pra dar liga. Não sei se alguém mais já procurou saber a respeito. Eu não arriscaria;

    - O Boa Saúde da Asa Norte agora tem uma opção de pizza vegan também, feita com creme de tofu e recheios do tipo milho, palmit e proteína de soja. Finalmente, depois de muito pentelhar lá, eles cederam aos apelos dos veganxs que gostam da comidinha do restaurante. A Unidade de Taguatinga também é mó boa e rolam umas comidas diferentes do daqui do plano: eles fazem um tal de “virado de jaca” espetacular, dobradinha vegana e rolam pizzas sem queijo também. Aliás, eles oferecem bem menos coisas com lactose;

    - Ontem descobri um restaurante 100% VEGAN no Setor de Mansões do Lago Norte: fica dentro do Balsamo Spa. Eles não usam derivado algum de origem animal no preparo da comida, que salvo algumas exceções, é à base da culinária crudívora. São R$ 20,00 por pessoa e você come à vontade. Funciona de domingo a domingo, mas tem que ligar até umas 9h30 pra fazer reserva. O endereço deles é SMLN, Trecho 7, Chácara 7, DF 015, Lago Norte e o telefone: (61) 3033-3397;

    - Tem um restaurante no Lago Sul chamado Empório da Mata que serve um tal de “Risoto Selvagem”, feito de arroz arbóreo, shiitake, shimeji e champignon fresco. Eles garantem que não vai nada de origem animal no preparo. Endereço: Setor Habitacional Jardim Botânico – Mansões Mata da Anta – Chácara 15.

    - O Submore da 115 Norte mudou de nome, mas continua servindo o sanduíche “Veggie” lá;

    - No Salad Creations tem um wrap chamado “Veggie Wrap”, com Alface Romana + Cenoura + Tomate + Crouton + Beterraba + Cebola Roxa + Milho + Pimentões + Molho: Vinagrete Balsâmico. Não é ruim, mas custa quase R$ 20,00. Aí eu já acho exploração pagar caro assim pra comer um monte de “mato” enrolado no pão. Só se for em último caso mesmo, porque aquela praça do Brasília Shopping é infernal pra se alimentar veganamente e não dou conta de ficar na fila sempre gigantesca do Subway (mesmo o preço sendo muuuuito mais camarada e o pão mais gostoso). Aliás, eu fico muito put@ com esses locais que se propõem a colocar uma opção vegetariana e enfiam mato num pão, achando que estão fazendo um grande favor e ainda cobram caro por isso! Deprimente…;

    - Meu último comentário é em relação ao Green’s… Concordo que o buffet deles às vezes é meio tosco pra veganxs, mas uma opção são os sanduíches quentes, né?! O de tofu grelhado com gergelim e cebola refogada no shoyu é supimpa! Tem mais outros 2 (acho), que levam alguma dessas pastas árabes. Dá pra montar um sanduba frio também, onde você escolhe os recheios e tofu está nas opções. Tudo servido no pão integral da casa, que é bem bom. Sem contar que, pra finalizar, dá pra pedir a tortinha integral de banana.

    Sinceramente? Acho que vou abrir uma agência de detetives para casos culinários veganxs. Às vezes eu penso que só faço duas coisas na vida: pensar em comida e comer. E olha que nem sou tão desocupada quanto parece!

    Poney, parabéns, cara! O Distrito é uma das iniciativas vegans mais bacanas de Brasília. E que em 2013 essa lista tenha triplicado!

    Mel Portela

    Responder

    • Posted by Poney on janeiro 11, 2012 at 22:32

      valeu demais, Mel!
      postei suas sugestões no guia, obrigado pelas tantas contribuições.

      nesse ano, vamos precisar ainda mais dos seus serviços de detetive. hehe.
      tenho até dois trabalhos pra sugerir já: gendai e cookie de aveia do subway.
      hehehe.

      abração!
      poney

      Responder

  7. Posted by Luciene on janeiro 11, 2012 at 12:48

    Até eu que nem sou vegetariana fiquei com vontade de comer várias coisinhas!!!

    Responder

  8. Powney, a Cornhills faliu. Antes tentou uma reestruturação em 2011 e a cafeteria virou restaurante grill, mas acabou por fechar as portas e dar lugar à Dona Lenha. Na mesma quadra tem o Grenat Café. Não sei se tem opções vegans, mas fica a dica pra quem curte café. Nunca fui, mas deve ser meio caro.

    Responder

  9. Posted by Bruno aka FOCA on janeiro 11, 2012 at 17:38

    Queridos vegetais,

    Tem um El Paso Texas no Terraço Shopping, que fica no Cruzeiro/Sudoeste/Octogonal (?), vi nesse último final de semana antes da sessão do horrendo filme, O Gato de Botas.

    Muito massa o guia novo de 2012, parabéns!

    Responder

  10. eu acho que o hambúrguer da sadia não é vegano, estou certa?
    acho que seria bacana escrevermos para o mamutes (várias pessoas) sugerindo que trocassem por outro, de repente da perdigão, não sei…

    http://www.mamutesgrill.com.br/2012/index.php/contato

    Responder

    • Posted by Poney on janeiro 11, 2012 at 22:35

      vou lançar a campanha! hehe.

      Responder

      • Posted by Bruno aka FOCA on janeiro 12, 2012 at 18:48

        o Diego (Natal/BSB) já fez esse contato, e informaram que o hambúrguer não era vegan mesmo…

        mas não custa tentar para que eles mudem, e se eles mudarem o hambúrguer, vai rolar várias opções, porque o cardápio é extenso de pratos e lanches.

        eu e o João sempre comemos lá, muito bom custo/benefício e sinceramente gosto bastante da comida.

  11. Posted by Cecília Alvares Corrêa on janeiro 11, 2012 at 23:37

    Não sei se já falaram ali nos comentários, mas lembrei hoje do Tacolino do pier 21. Ele rola no esquema gambiarra, pedindo pra tirar o queijo do Burrito Veggie. Daniel provou e curtiu. E também, segundo a dona, os nachos não têm queijo na composição, ou seja, dá pra pedir um guacamole e talvez outro dip (à pesquisar) e uns “bons nacho” e curtir um fast-food mexicano.
    ;]

    Responder

  12. Posted by Aline on janeiro 12, 2012 at 11:32

    Aqueles picolés do cerrado que tem no final da asa sul (acho que 11 sul) tem várias opções sem leite, com frutas bem diferentes!

    Responder

  13. O guia ficou ótimo!!! Parabéns ao Distrito Vegetal. Sou de Brasília e sempre tenho dificuldades em sair para comer. Agora, ficou bem mais fácil e vemos que há bastante opções por aqui.

    Responder

  14. KEB: a batata é muito boa mesmo! O menu é um tanto caro, mas o atendimento é eficiente; os kebaps são reduzidos, mas muito bons. No lugar de uma meleira enrolada, molhos à parte para aplicação à la volonté. Notas ruins: uma tevezona em frente à mesa, com uns clipes que se repetem a cada dez minutos, e BRITNEY na trilha sonora do ambiente. Uma observação sobre a, hm, sustentabilidade: após uma refeição, sempre sobra um rastro de lixo – tudo que se usa é descartável, mesmo para quem comer no lugar.

    Valeu, Pedrão!

    Responder

  15. Isso é pra ser guardado a sete chaves. Ótimos lugares!

    Responder

  16. Parabéns pelo ótimo trabalho!
    Você já conhece o Respeitável Burguer (402 sul)? dá pra fazer alguma coisa vegan, por certo. e pra mim, esse sim, é o melhor hamburguer vegetariano que comi na vida.
    Tem também o Genaro Café (114 norte) que acho q teria alguma opção vegan tb, vale conferir.
    Beijos

    Responder

    • Camilla, já provou o hambúrguer vegeano do Three Burgers (413 Norte)?

      Esse tá no topo da minha lista dos melhores burgers veganos que já comi. Ainda não provei o do Respeitável, mas sempre vejo boas recomendações. Vou tentar ir lá essa semana pra fazer a comparação.

      Responder

      • Posted by Sunshine on janeiro 17, 2012 at 17:04

        Pessoal, sei que já tá lá no guia, mas queria só dar destaque ao Burguer Gourmet da 412n, já provaram?. Pra mim, é o melhor hamburguer vegan que eu já comi! A receita é caseira, inventada pelo dono, ele mistura um monte de vegetais e o tempero é mesmo muito bom! Recomendo!
        Valeu pelo guia! Muito bom mesmo, serviço de utilidade pública! Abraço!

    • Posted by poney on janeiro 17, 2012 at 19:30

      Camilla, o do genaro (infelizmente) não é vegan. o do respeitável burger é vegano mesmo?

      abraços!

      Responder

      • Posted by Roberto on maio 22, 2012 at 0:55

        Eu sabia que o hamburger é vegano no Genaro, mas agora já não sei. Comi lá algumas vezes, só pedia sem queijo e achei sensacional. Se alguém puder tirar esta dúvida aí agradeço.

      • Posted by Rita on novembro 12, 2012 at 12:42

        Enviei um email ao SAC do Respeitável Burguer e eles disseram: “Nosso hambúrguer de berinjela é feito sem nenhum tipo de produto animal.”

  17. Salve Poney, Salve o Guia vegano!!!!
    A BACO pizzaria ( da asa norte) tem sempre super boa vontade em fazer pizza sem queijo, com ótimos resultados.
    Bjs
    Simone

    Responder

  18. Posted by Raquel Simão on janeiro 13, 2012 at 12:18

    Guia Vegano ficando cada vez melhor! Parabéns pelo trabalho!

    Responder

  19. Posted by Henrique on janeiro 13, 2012 at 12:32

    Olá !
    Quero indicar a tradicional pastelaria viçosa da Quadra 704/705Norte , Bloco D, Loja 2,também tem pastel de palmito e podendo tambem pedir com os ingredientes de sua escolha…DETALHE! fazem DELIVERY ate as 23HRS!Vai o link do cardapio a baixo.
    http://www.pastelariavicosa.com.br/
    E pra quem frequenta a UNB OU MORA NA ASA NORTE!!!
    Tem o café da livraria,que fica ao lado do Banco do Brasil da UNB…Eles servem um pastel assado de legumes,que é uma Delicia!e logo ao lado também tem o restaurante Universitario o RU que tem um andar só para vegetarianos/Vegan,que fica no andar de cima,GENTE SUPER EM CONTA !

    Responder

    • Posted by poney on janeiro 17, 2012 at 19:46

      então, Henrique, a viçosa é polêmica! hehe.
      fontes muito confiáveis indicam que o pastel é feito com banha de porco, uma pena. acho que cabe uma investigação melhor nossa na rua.

      coloquei o RU e o café da livraria no guia!

      Responder

  20. [...] à barraca de rua, tem pra todos os gostos. Compartilhem, acessem e contribuam! É só acessar http://distritovegetal.wordpress.com/o-grande-guia-vegano-brasilia-2012/ Fonte: Distrito vegetal Consumo, Geral Se você gostou deste artigo, deixe um comentário abaixo e [...]

    Responder

  21. Posted by Edith on janeiro 13, 2012 at 21:26

    Esse Guia tá demais, Bsb tá ficando muito massa, hehehe…
    Gente, final do ano fui na Uno Fratello, na 110 norte, o pessoal é super-atencioso e me atenderam super bem qdo pedi pra tirar queijo de alguns sabores….muito bom tb ;)

    Responder

  22. Posted by Aline on janeiro 15, 2012 at 15:08

    No Deck norte tem um restaurante selfservice com bastante opção vegana. Chama Damak. Hj msm tinha bobó de tempeh, moqueca de banana, seitan xadrez, feijão azuki, além de legumes e verduras. Com indicação em plaquinhas de com ou sem gluten e lactose.

    Responder

  23. Posted by Aline on janeiro 15, 2012 at 21:12

    Gente, alguém sabe do pão do sky’s?

    Responder

    • Posted by poney on janeiro 17, 2012 at 19:53

      aline, quando a gente entrou em contato com o pessoal do sky’s nos falaram que o pão era vegano. até porque é dos mais baratos.

      Responder

  24. Posted by Mariana on janeiro 16, 2012 at 20:45

    Tem o Houston Original Burguer. Custo benefício bom. Cerca de nove reais um sanduba com hamburguer vegetariano, salada, opções com cebolas deliciosas e molhos. Fica na 412 Norte. O site deles é http://www.originalhouston.com/

    Responder

  25. Que trabalho mais sensacional, facilitou muito minha vida! Agora quero ver meu namorado chato ficar de mimimi dizendo que eu não como nada e não temos opção para os dois no mesmo lugar. Parabéns pela iniciativa, vou imprimir a lista e levá-la sempre comigo. Obrigada!

    Responder

  26. Posted by Marco Antonio on janeiro 17, 2012 at 19:34

    Olá gente boa,
    Alguém sabe de uma opção macrobiótica?
    Existia um restaurante na 203N, do Joaquim, mas que há muito tempo fechou. Eram refeições leves, com o melhor arroz integral (papa) da história, e umas opções de artigos para comprar, com uns pasteis de forno esplêndidos.
    Sinto falta desse tipo de comida.
    Abraços a todos.

    Responder

  27. não sei se vocês já tão sabendo, mas a tatiana da soham [https://www.facebook.com/profile.php?id=100002385024605] faz pizzas veganas com queijo de amendeoas por encomenda!
    contato: 8214-6448
    sohamterapia@gmail.com
    (:

    Responder

  28. Viçosa, na Rodô! TEm pastel de tomate com palmito!!!

    Responder

  29. Posted by Edith on janeiro 18, 2012 at 11:41

    Gentes, essa sexta vai abrir o Caferô na 307n com uma proposta super bacana, vai rolar PFs vegetarianos e veganos (tem que avisar antes que vai almoçar lá, tipo reserva mesmo, e isso é pra não rolar desperdício de comida, o que acho muito massa!), se não me engano tb vai rolar um pequeno empório, com grãos a granel.
    Qdo conseguir as informações certinhas volto aqui, mas eu queria adiantar pra vcs que teremos mais uma óóótema opção :)

    Responder

  30. Posted by Edith on janeiro 18, 2012 at 11:50

    Ah, a Napolitá (sorveteria na 312n) não rola mais, no lugar dela abriu a Querubina, que não tem sorvete sem lactose, mas rola um ou outro picolé – o de cupuaçu é uma delícia!
    Abriu tb uma Frutos do Cerrado na 712n, acho que lá rola uns sabores sem leite, de todo jeito mandei um e-mail para eles pedindo confirmação, daí volto aqui pra avisar ;)

    Responder

  31. Posted by Aline on janeiro 18, 2012 at 13:04

    Tem picolé de pequi sim, mas com leite! que bom que não queria mesmo! hehehe!

    Responder

  32. na livraria sebinho tem um bristrô que sempre serve opção vegana no almoço, além de várias opcóes do à la cart. vale a pena conferir :)

    Responder

  33. Posted by Elaine on janeiro 18, 2012 at 16:29

    Eu sempre sou muito bem atendida lá na Pizzaria Valentina (asa norte e sul) quando eu peço para fazer as gambiarras nas pizzas! Não tenho investigadores sobre ser 100% vegana a massa etc e tal… Mas é que eu sou vegetariana. Mas acho que vale a pena conferir/investigar. Na inauguração na loja da asa sul, os garçons logo me identificaram na multidão e mandaram fazer a gambiarra numas pizzas para me servirem (era uma festa e estavam circulando as pizzas, free para os convidados). Achei isso muito legal.

    Responder

  34. Posted by Edith on janeiro 18, 2012 at 16:37

    O pessoal da Frutos do Cerrado me respondeu, ó:

    Ola, Edith

    Em primeiro, queremos agradecer seu contato com a Frutos do Brasil.

    Segue abaixo a relação dos produtos que não possuem leite e qualquer duvida a loja possui um manual com informações das frutas para orienta-la.

    Sabores A Base De Água
    Picolés: Abacaxi, acerola, araçá, cagaita, cajá, caju, gabiroba, goiaba, groselha, jabuticaba, limão, lichia, melancia, melão, seriguela, tamarindo, taperebá, umbu e uva.
    Sorvete: Açaí (sorbet)

    No mais, agradecemos novamente vosso contato e a esperamos em uma das lojas Frutos do Brasil.

    Att;

    Responder

  35. Posted by Eduardo Sedelmaier on janeiro 18, 2012 at 16:53

    Acho que o Sebinho Café & Bistrô tem opções veganas.
    No Bistrô Bom Demais do SEBRAE Nacional (605 sul) tem acompanhamentos, salgados e cappuccinos veganos.

    Responder

  36. Posted by Aline on janeiro 18, 2012 at 17:19

    Parabéns pelo guia! Eu que não sou vegana fiquei com muita vontade de experimentar várias coisas da sua lista!
    Fiquei com um dúvida, que não tem muito a ver com o guia mesmo, mas será que vc pode me esclarecer? Porque vc diz que o espinafre do Habib’s não é vegano?
    Obrigada e parabéns de novo!

    Responder

  37. Posted by tatiana on janeiro 20, 2012 at 12:34

    Galera, estamos fazendo os leites de castanha e de amêndoas pra viajem!

    Responder

  38. Posted by Cida Taboza on janeiro 25, 2012 at 19:37

    Na Feira do Produtor de Vicente Pires, Box 14, tem: bolinho de falafel, sanduíche de falafel, pasta de berinjela, pão integral e salgados. FALAFEL CAPITAL, 8150 7172

    Responder

  39. Posted by BNY on janeiro 30, 2012 at 21:56

    Parabéns pelo guia.
    Sugiro: Lotus Azul – 2ª a domingo. CSLW 100, Bloco A, Loja 21/24, Sudoeste. Almocei uma vez; deu para montar o prato sem carne e/ou derivados de animais.

    Responder

  40. Posted by Leandro on fevereiro 2, 2012 at 17:37

    Eu falei com o chat do habibs, e tirando o cremily, o resto é vegano sim. O espinafre é refogado no azeite. Já pedi por telefone sem o cremily.

    Responder

  41. Posted by Débora on fevereiro 2, 2012 at 22:46

    Adorei!!!!

    Responder

  42. Posted by Carlos on fevereiro 4, 2012 at 18:49

    Demais essas sugestões. Ótimo trabalho.

    Responder

  43. Posted by Bruna on fevereiro 5, 2012 at 13:36

    Que bom poder ter essas informações! Só não compreendi, diante o tamanho da lista, por que denominar, no primeiro tópico, Brasília como “cidade cemitério”?!

    Responder

    • Posted by Pedro Semente on fevereiro 8, 2012 at 21:27

      Verdade… tem 200 vezes mais opções do que o Rio de Janeiro, por exemplo! Viva a magia do planalto central!

      Responder

  44. Posted by jabber on fevereiro 12, 2012 at 17:11

    do que o rio? acho que não hein, pedro semente…
    dá uma procurada melhor, porque na minha opinião o rio é a meca do veganismo feliz.

    Responder

  45. Posted by Marco Antonio on fevereiro 16, 2012 at 18:28

    Ôpa, vou verificar. Será que abrem no fim-de-semana?
    Em todo caso, obrigado pela dica.
    Abraços

    Responder

  46. Posted by Jully on fevereiro 16, 2012 at 19:58

    Escrevi para o mamutes há uns dois meses, sugerindo a troca do hambúrguer, mas não se deram ao trabalho de responder, nem pra dizer que não rola. =/

    Responder

    • Posted by cati@gmail.com on fevereiro 25, 2012 at 19:42

      Mas eles trocaram comi hoje lá e tem a opção dos dois hamburger eles foram super gentis !!!!!!

      Responder

      • Posted by cati@gmail.com on fevereiro 25, 2012 at 19:45

        Fui no da 310 norte mais tem na 203 sul tem sanduiches e comida que está na parte de vc montar (hamburgue mais três acompanhamentos)me falaram e gostei muito!!!!!!

      • Posted by hery on março 9, 2013 at 16:17

        fui uma vez (quando haviam boatos que a perdigão tinha parado de fazer hamburger) dera as duas opções, pedi o da perdigão e veio sadia! se liguem, que a galera é malandra lá!

  47. Posted by Thaís Nogueira on fevereiro 18, 2012 at 14:10

    Gente, decidi em tornar vegana a pouco tempo e estou em processo de adaptação, mas vou muito no pier 21 e lembrei da Pastelândia/Famiglia Regina (é o mesmo restaurante). Lá é vc que escolhe os ingredientes do seu pastel, ficando fácil de optar por ingredientes veganos. Vou verificar hoje se eles não fritam em banha de porco, mas acredito que não, e se a massa é vegana. Depois posto aqui a resposta.

    Beeijos :**

    Responder

  48. [...] O GRANDE GUIA VEGANO – BRASÍLIA 2012 [...]

    Responder

  49. Posted by Priscyla on março 11, 2012 at 22:55

    Vocês se esqueceram de colocar no Guia a Bomboniere Pollylau, situada no ICC sul na UnB. Lá frequentemente tem três entregadores diferentes de salgados veganos. Inclusive o famoso empadão de palmito, que é o melhor que já comi.

    Obrigada

    Responder

  50. Posted by Carol on março 15, 2012 at 2:04

    que foto nojenta kkk
    ainda tem gente q tem a coragem de comer lingua de vaca

    Responder

  51. Posted by Aline on março 21, 2012 at 11:10

    “Bom dia Aline, sim, temos bombons sem leite e sem ovo. Atenciosamente, Stans Chocolates”

    Responder

    • Posted by lara on abril 10, 2012 at 15:13

      Meu Deus, quanta alegria!! Era minha chocolateria favorita e parei de ir depois que parei de comer laticíneos!! como sou boba, liguei lá e tem vários bombons recheados, no quilo, que podemos comprar!! Inclusive o de jabuticaba!!!

      Responder

  52. Posted by Edith on março 25, 2012 at 22:44

    Oi Poney!!

    Vim deixar duas dicas…

    Ontem fui na Ceasa e encontrei uma japonesa que vende mini-pizzas congeladas, tem opções vegetarianas e veganas!!! Ueba! Cada pizzinha custa 2,50, ontem tinha tofu com tomate seco e rúcula e tofu com espinafre e alho frito….nham nham!! Fica a dica pra quem for fazer a feira por lá ;)

    A segunda dica é que amanhã (segunda 26/03) abre o Caferó, na 307 norte!! Comentei sobre esse café aqui em janeiro, e na época tava divulgando a proposta de amigos, mas tcharaaammm – tô na parceria com a galera, sócia nesse projeto no qual acredito demais! Comidinhas gostosas e saudáveis pro corpo, mente e espírito! :)

    Nesse início estamos focando a proposta no café da manhã, com sucos vivos, pão integral de fabricação própria, salada de frutas especial e alguns alimentos vivos! Tb rola uns congelados vegetarianos e veganos, e aceitamos encomendas de leites vegetais!! Uhú! Apareçam, experimentem e deixem sugestões!

    Abração!
    Edith

    Responder

  53. Posted by lara on abril 10, 2012 at 15:12

    gente, o cachorro quente da 208 norte está oferecendo agora um hamburguer vegano congelado!! O preço está mto bom, e, apesar de eu não ter provado, uma amiga minha disse que é o hamburguer mais gostoso que ela encontrou!!

    Apesar de ser online, divulgo o site http://quebracabecaveg.com, que antes só tinha opção de hamburguer vegan, mas agora tem um queijo de mandioquinha!!! eu já encomendei, depois conto se é bom ou mto bom (pq bom terá que ser, espero)
    :)

    Responder

  54. Posted by Antonio Cicero on maio 2, 2012 at 16:57

    Tem com ser pobre e ser vegano? Pq os preços do Corbucci não dá pra um pobre ficar lanchando por lá, mesmo pq pagar R$12 em uma tapioca parece assalto à mão armada já que aqui em Taguatinga não pagamos mais que R$2 em uma, e um caldo de tomate com 2 torradas e uma salada q só tem alface, putz q falta de imaginação, realmente se um dia me eleger deputado vou passar a visitar este Corbucci, por enquanto como funcionário público vou continuar sendo vegetariano já que para virar vegano tem que ter muita grana.

    Responder

  55. Posted by elistanajura on maio 22, 2012 at 13:52

    Tem um restaurante novo na 306 Sul, se não me engano (é perto da Biblioteca Demonstrativa), que tem salgados e saladas vegetarianas (e veganas). Mas não consigo lembrar o nome. Vou investigar!

    Responder

  56. Posted by elistanajura on maio 22, 2012 at 15:51

    Ah, e alguém sabe se o hambúrguer vegetariano da Seletti do Pátio Brasil é vegano?

    Responder

  57. Olá, sou estudante de jornalismo na UnB e gostaria de fazer uma reportagem sobre veganismo e veganos. Gostaria muito de falar com o criador do site e quem mais tiver interesse. Agradeço a atenção! (meu email é luisabravof@gmail.com)

    Responder

  58. Posted by Aline on junho 6, 2012 at 18:42

    Fui na Pianino e resolvi testar uma pizza doce… Pedi banana com bastante rapadura!! Ficou uma delícia! Recomendo!
    Também deixam você montar suas pizzas com os ingredientes disponíveis, então dá pra diversificar bem!

    Responder

  59. Posted by Guto on junho 12, 2012 at 16:11

    Há dúvida é se os queijos usados no pizza a bessa, Habbibis,Skys, the fifties são usados o coalho.Estou entrando em parafuso por causa disso.Tiram enzimas animais(matando o animal) pra fazer esses queijos.Sabem se, principalmente o pizza a bessa utiliza coalho?Obrigado!

    Responder

  60. Posted by Aline on julho 2, 2012 at 17:15

    Agora no cardápio do sol nascente, na quituart, tem um tepam-yaki de shitake! Delícia! Acho que é 21 reais, com bastante legumes e shitake (pedir pra ser feito no azeite) e com mais 7 reais acrescenta missoshiru e arroz! Coloquei foto no meu instagram, pra quem tiver @aline7b

    Responder

  61. Posted by Aline on julho 3, 2012 at 16:22

    resposta a critica Dona Lenha 413 norte

    “desculpe a demora em responder sua crítica. Repassei para a franqueadora sua sugestão de colocar mais opções veganas no cardápio. Eu e minha sócia concordamos com voce e faremos o possivel para que nosso cardapio tenha pratos veganos.”

    Responder

  62. Posted by Kelly on agosto 13, 2012 at 17:50

    Parabéns Poney por sua iniciativa e altruísmo…suas dicas já estão salvas no meu note…obrigada…
    Kelly

    Responder

  63. Posted by Lu on agosto 20, 2012 at 2:36

    Muito legal este site, parabéns! Vou me mudar pra BSB daqui a alguns meses e fiquei animada ao ver tantas opções. Espero poder passar de leitora a ” informante” no futuro!

    Responder

  64. Epa, tá faltando o novíssimo SAGA VEGANA, onde se pode encomendar pães, bolos, brownie, pão sem queijo (pão “de queijo”) congelados, leites vegetais, queijos vegetais e esta semana ainda será lançado o super especial Omelete Saga Vegana, que vou lançado ao público por ocasião do FestVeg. ;-)

    http://www.sagavegana.com.br

    Responder

  65. Posted by Aline on setembro 19, 2012 at 15:04

    http://www.johnnieburger.com.br/img/cardapio.jpg

    Será que sem o queijo esse veggie é vegano? Alguém conhece?

    Responder

  66. Posted by henrique on setembro 20, 2012 at 23:11

    https://www.yakissobah.com.br/veganos.htm
    Fica na 210 Norte e fazem delivery !!!

    Responder

  67. Posted by Antonio Barros on setembro 22, 2012 at 19:26

    Descobri seu guia agora e achei muito bacana!

    Bem, saí aqui da Asa Sul e tenho uma notícia ruim: fui ao Mercado do Produtor em Vicente Pires para procurar o falafel, a pasta de beringela e alguns temperos. Bem, a loja de falafel – fui informado – fechou há uns seis meses. O letreiro ainda estava lá… Mesmo asism, o mercado tem várias coisas maneiras.

    Responder

  68. Posted by Edith on setembro 27, 2012 at 19:46

    Oi Poney! Tentei te mandar um e-mail com os anexos, mas o yahoo não tá ajudando, então vai por aqui ;)

    Eu fiquei de te avisar da abertura da nossa loja e quase me esqueço em meio à correria!
    Então, eu e a Tatiana (que tinha a Soham) saímos da parceria no Caferó e já estamos atendendo na nossa loja, que é a Germinar e fica na 202N! :)
    Nossa proposta é bem focada no café da manhã, com opções de suco além do suco vivo, pra comer opções vivas, além das cozidas sem glúten e sem lactose (cuzcuz, tapioca, salgados).
    E a partir de 20/10 vamos funcionar também das 17h às 20h, com sanduíches e caldos. Tb temos salgados veganos congelados e leites vegetais para levar, e em breve tb vai rolar hamburgueres veganos congelados! :)
    Esse sábado é nossa inauguração (pela manhã, de 7 às 12h), vamos degustação de alguns itens do cardápio e tb uma atividade pras crianças.
    Aparece qdo puder pra experimentar e dar sugestões, vou me sentir honrada, sou muito fã do DV ;)

    Abração!
    Edith

    Responder

  69. Posted by Re Oliveira on outubro 14, 2012 at 2:46

    Eu ate sentei no fifties para experimentar o hamburger mas como o garcon foi muito mal educado, eu e meu marido nos levantamos e fomos embora.

    Responder

  70. Posted by Marco Antonio Capparelli on outubro 22, 2012 at 11:26

    Bom dia pessoal,
    Alguém sabe de dicas sobre Restaurantes MACROBIÓTICOS aqui em Brasília?
    Tinha o Natural na 202 Norte, do Joaquim, mas que fechou há uns dez anos e eu nunca mais soube dele.
    Sinto falta de um cardápio mais radical de vez em quando…
    Obrigado

    Responder

  71. Posted by Aline on novembro 4, 2012 at 14:25

    O damak no deck fechou! Agora tem um árabe no lugar!

    Responder

  72. Posted by cynthia on dezembro 16, 2012 at 23:16

    pessoal alguem sabe onde ou alguem que eu possa encomendar comida vegana/vegetariana.. ainda estou em transicao … queria congelada ou delivery pro almoço.. se alguem souber me mande por email se possivel cynthiamorais83@gmail.com

    Responder

    • Oi Cynthia e pessoal,
      Sou cozinheira e idealizadora do Invencionistas – culinária saudável e vegetariana, iniciado recentemente, trabalho com produção e entrega de alimentos diariamente (marmitas), com elaboração de cardápios e com buffet para eventos. Agora estamos oferecendo o serviço de “cozinheira à domicilio” criando cardápio personalizado, indo até sua casa, produzindo e congelando pratos prontos. Fazemos opções veganas tambem. Dêem uma olhadinha na nossa página: http://www.facebook.com/invencionistas Obrigada! Abraços, Natasha :)

      Responder

  73. Olá! Acho o guia vegano sensacional! É de grande ajuda, principalmente p quem voltou p quadradinho por uns tempos depois de muito tempo longe e/ou “entrou” no veganismo há pouco tempo e aprecia estímulos culinários novos enquanto ainda está um pouco perdido (no meu caso, as duas coisas rs =) Obrigada pela ajuda!

    Queria contribuir! =) Não sei se vcs já conhecem, mas não vi no guia. Almocei hoje no Haná (japa) na 408/s. Eles tem um yakisoba de legumes, cogumelos e tofu delicioso e gigantesco, dá p dois tranquilo. O original é feito na manteiga, mas fizeram no azeite sem problemas.

    Tb tem um espetinho de beringela com molho de soja DI-VI-NO e rolinhos de banana p sobremesa. Tudo, segundo eles, sem nenhum produto de origem animal. Deve ter outras opções tb, mas não fucei muito o cardápio rs

    Os Todos os garçons foram muito gente boas e pacientes com os milhões de perguntas sobre os pratos. Adoro esses lugares veg friendly! Volto lá com certeza! =)

    Abraço!
    Leticiaà

    Responder

    • Posted by Aline on janeiro 27, 2013 at 13:20

      Geralmente o macarrão do yakisoba leva ovo. Na Quituart (lago norte) se vc pedir normalmente tem sem, mas tb tem de pedir o molho sem caldo de carne.

      Responder

  74. Ah! E a Klango do Cerrado acabou de abrir uma unidade no Sudoeste (104)! =) Liguei na Asa Norte e me deram o telefone: 3344-1001. Ainda não experimentei, mas a possibilidade de delivery de pizza vegana por aqui é sensacional =)

    Por enquanto não tá abrindo às segundas.

    Responder

    • Posted by Henrique on fevereiro 1, 2013 at 14:26

      Ja tive a oportunidade de experimentar a Pizza Vegana com mandioqueijo do Klango Pizza e fiquei supreso!Muito bom mesmo a de berinjela.PERFEITA!

      Responder

      • Posted by hery on março 9, 2013 at 16:20

        achei a pizza do klango ruim. o mandiokejo é mirrado e se a pizza tem tomate a massa não assa direito fica bem escroto.

  75. Posted by Camila on janeiro 16, 2013 at 19:16

    Meus Caros,

    Estou em um dilema psicológico.
    Estou pensando em virar vegetariana de vez, na verdade, inicialmente, quero cortar carne vermelha, frango e porco(esse último já cortei qs de vez).
    Mas sou muito leiga no assunto. Muito.
    Minha motivação é maior que meu conhecimento e discernimento pra saber se conseguirei manter a logística (pela minha família, pelo custo…egoísticamente falando).
    Qual marca de produto de soja é melhor? Em grandes redes (Wallmart, Extra, Sam’s) tem?.
    É um primeiro passo…preciso de ajuda e motivação (claro que proteger os animais já seria motivação suficiente).

    Obrigada

    Responder

    • Olá Camila !
      Você não precisa comer somente produtos de soja, para substituir a Carne…Pois tem muitos vegetarianos que nem consome soja,pois tem muitos outros alimentos e combinações que substitui.Da uma passa num ECO mercado que tem na 303 Norte,Bioon Ecomercado .Lá eles tem tudo! e bem mais barato que em Supermercados…Acho que vai gostar. Tem muito produto Organico,vegano tambem.Eles fazem DELIVERY tambem com uma taxa de R$4,00.Mas é bom ir lá para conhecer a grande variedade de produtos,lanchonete.

      http://www.bioon.com.br/site/

      Responder

  76. Posted by Cláudio on janeiro 20, 2013 at 14:05

    [Repito este post que havia inserido, ao que me dei conta, na seção trocada no blog. Sorry!]

    Alô, queridíssimos amigos! Que coisa mais incrível encontrar este blog de vocês (ou será só “de você”?)! Uau…! Morei em Brasília entre 1993 e 1995 (dando aula na UnB) e lembro-me, com enorme saudade!, de vários restaurantes vegetarianos incríveis que já existiam por aí! Meus dois meninos, hoje com 18 e 14 anos, veganos de nascença e músicos, vão participar, neste janeiro de 2013, do Curso de Verão da Escola de Música de Brasília. Vou dar uma chegadinha aí por três dias para buscá-los. Vai ser uma oportunidade maravilhosa de rever a cidade, os amigos e seus restaurantes! Vou me valer muitíssimo (!!!) do guia vegano de vocês! Obrigadíssimo pela generosidade de todo este empenho…! Se houver algum encontro de veganos programado para o finzinho de janeiro, just let me know! Parabéns demais da conta! Que arraso! Cláudio Portugal: (21) 9177-2000 e claudioportugal@usp.br.

    Responder

  77. Posted by Pedro Silva on fevereiro 4, 2013 at 23:08

    tristeza! Calangos Dog encerrou as atividades. açai maravilhoso, bem como o cachorro-quente… Aproveitando, qd sai a ediçao de 2013?

    Responder

  78. [...] O GRANDE GUIA VEGANO – BRASÍLIA 2012 [...]

    Responder

  79. Posted by Emanuel De Silva on fevereiro 5, 2013 at 18:49

    Oi pessoal! (mil disculpas por o portunhol, falo espanhol)
    Porém, tenho vontade de dar para voces um tipo de sandwiche que fazo á ja muitos anos, sob a receita de pessoas dedicadas a dieta alkalina, que acho que é o que a gente esta procurando manter, a alcalinidade do sange.
    - Pan integral de cualquier tipo, torreado gosto mais.
    Alface, tomate em fatias com brotos de Alfalfa, azeitonas(melhor com ese negocio vermelho dentro). Sal e azeite de oliva.
    Faza a mistura como voce veia que vai a ficar balanceado para seu gosto e Pronto!!! o sabor é muito bom, bacana e entre no site dos alcalinos tamben.
    Tamben, u outro domingo foi ao “Sanga”(grupo) dos Hare Krishna e estan dando alguma refecao vegetariana bonita com uma aula de filosofia da india, karma, reencarnacao, matanza dos animales, etc. Esse pessoal foi o que conhocio o Paul Mcartney e a sua esposa linda que foi uma promotora da dieta vegetariana. O Paul face propaganda no youtube com este lema: “If slaughterhouses had GLASS WALLS everyone would be VEGETARIAN”, eles gostan de cantar Hare Krshna igual que o George Harrison fazia, my sweet lord é completamente inspirado com eles.
    Este pessoal tem livros de vegetarianos no brasil, etc.
    Entao, fique muito impresionado por os aspectos culturales dos Hare Krishna além de alguma propaganda desfavorabel, acho som gente interesante. Antes, foi um Hare Krishna que recomendo o sandwiche que fale para voces acima.
    Eles reunen no centro de terapias e yoga http://www.Swaha.com.br ai pode ver o endereco, os destaques, dietas, terapias, etc. Sao muito legales.
    Entao, vamos o domingo, cuando ja nao entendemos algo da racao da vida e porque matan tantos animales e porque é que somos vegetarianos… Esso abre tipo 5pm. vamos para lá?
    Este é o endereco da editora deles para que veian os livros deles, etc bla bla bla e mais de tudo http://www.brajaeditora.com.br
    abracos e até mais.
    Emanuel.

    Responder

    • e aí, Emanuel e amigos veganamente inseridos no contexto livre de mau karma, Hare Krishna!!!! muito simpáticas as suas postagens vegetais! tenho divulgado o seu vegeblog entre conhecidos que querem entender a verdade nua e crua do veganismo, vegetarianismo, frutarianismo e vários outros ismos do bem. os bichinhos têm se reunido pra bater palmas pra sua iniciativa. segundo a milenar filosofia védica, atma, a alma, mora na área do cakra cardíaco de todas as espécies de vida. segundo ainda esta mesma filô, a espécie humana é a única espécie de vida que tem esse hábito estranho de não acompanhar os movimentos harmoniosos da natureza (entre eles, aquele segundo o qual a leoa ataca o veado, o veado ataca a graminha e o ser humano se senta pra meditar em como sair do ciclo de samsara). enfim, vamos celebrar o aniversário do vegetariano mais querido do planeta, nosso mestre espiritual, Srila Bhaktivedanta Narayana Maharaja, que visitou o Brasil 4 vezes – a festa vai ser este domingo, dia 10, no Swaha, 713 N Bl. C loja 18. venham todos!!!!
      começa às 17h. é programa certo todo domingo e sempre servimos um alimento vegetariano com as boas vibrações de Krsna pra acentuar o gosto mais ainda!!!!
      no youtube somos hrdaya mandira e no ustream, HrdayaMandira. o site http://www.brajaeditora.com.br tem toda a info. Hare Krishna!!!!!!!!
      Mahakala dasa

      Responder

  80. Posted by SABRINA on fevereiro 5, 2013 at 22:05

    Adorei! Amei! Mudei para Brasília e ainda não conhecia bem os lugares que havia para eu comer. Muito bom! Obrigada!

    Responder

  81. Posted by Henrique on fevereiro 6, 2013 at 14:20

    Pessoal , tem um Eco Mercadinho MUITO bom ! BIOON ECOMERCADO,TEM TUDO!! Desde Farináceos a Cosméticos VEGAN não testados em animais, tem lanchonete e com precinhos MARAVILHA!!!

    Fica ali na 303 NORTE,Bloco B. (61) 3326-2944.

    Site: http://www.bioon.com.br/web/loja

    Vizinho do restaurante Greens e do Martinica Café.

    Responder

  82. Posted by Luciana on fevereiro 14, 2013 at 19:41

    A Tofutti chegou ao Brasil e em São Paulo e no Rio já dá pra encontrar os sorvetes.
    Será que rola uma união pra fazer com que os mercados do DF comecem a vender as guloseimas veganas?
    http://www.tofutti.com.br/

    Responder

  83. Produzo picolés veganos, feitos naturalmente sem nenhuma química, sem gordura de nenhum tipo, sem lactose ou produtos de origem animal.
    Entrego em casa no DF e satélites próximas.
    http://www.fruttamesmo.blogspot.com

    Responder

  84. Posted by João Paulo on maio 2, 2013 at 15:02

    Olha só! Dos Veganos que vcs postam aqui, somente uns 3 são interamente veganos, os outros ou usam ovos, laticínios, etc. Ser vegano é ter que comer em casa!! O ovo é um alimento de origem animal que não é necessariamente uma vida, pois a galinha bota ovos “não galados” (não fecundados), quanto a escravidão dos animais algumas posições são um tanto radicais demais, como as pessoas que não usam própolis ou mel pq é obtido da escravização das abelhas, tem dó!! Antes de preocupar com os animais temos a nossa própria espécie pra pensar e isto significa pensar em fatores nutricionais, sociais (emprego, alimento, escola, etc). Se não comermos mel, o apicultor fica sem emprego, os alimentos de soja são em sua maioria transgênicos (o que significa que podem ter gens animais e que são obtidos com o uso de mais agrotóxicos!), alimentos sintéticos fazem mal a saúde e não são bem absorvidos pelo organismo, o gosto dos alimentos vegetarianos ainda precisa melhorar!! O bife de soja precisa de muita cúrcuma e muita cebola! O tofu precisa de alguma coisa para ter gosto! Os veganos precisam de mais consistência no discurso!! Não sabem por exemplo como substituir a vitamina B12 (só existe na carne!), a não ser usando suplementos (que nem sempre garantem serem isentos de produtos de origem animal!). Ser vegano é uma mudança muito grande para uma pessoa normal!! A pessoa tem de uma hora pra outra parar de usar couro nas roupas, se alimentar somente de minerais, vegetais ou fungos e leveduras. Não sou vegano, demorei muito pra me conscientizar da minha natureza “onívora”, não sou um adorador de carne, mas acho que o problema da alimentação não está em comer ou não carne!

    Responder

    • Ok especialista (e vidente). O que tirei do seu texto é que vc queria ser vegano mas é muito bundão pra isto. Um dia vc consegue. XD

      Responder

  85. Posted by Bianca on junho 14, 2013 at 1:36

    Olá, eu gostaria de saber se você conhece algum lugar que vende tofu. Procurei em mais de um milhão de lugares e não acho, só o defumado (que não gosto).
    Obrigada, e amei seu blog!!

    Responder

  86. Compro tofu no restaurante Boa Saúde da Asa Norte, no ed. Rádio Center, início da W3.

    Também encontro no verdurão Oba de Águas Claras, mas deve ter em qualquer um.

    O supermercado Extra também se encontra de vez em quando, mas não compensa muito pois é muito caro.

    Responder

  87. Olá a todos!
    Sou cozinheira e idealizadora do Invencionistas – culinária saudável e vegetariana, iniciado recentemente, trabalho com produção e entrega de alimentos diariamente (marmitas), com elaboração de cardápios e com buffet para eventos. Agora estamos oferecendo o serviço de “cozinheira à domicilio” criando cardápio personalizado, indo até sua casa, produzindo e congelando pratos prontos. Fazemos opções veganas tambem. Dêem uma olhadinha na nossa página: http://www.facebook.com/invencionistas Obrigada! Abraços, Natasha

    Responder

  88. Posted by isabela on novembro 6, 2013 at 1:21

    nossa adorei muito bom, parabéns!! pena que nao tem mta coisa aqui em tagua., mas ja ajudou bastante!!

    Responder

  89. Olá Distrito Vegetal!
    VeGan-se cresceu! :)
    Desde setembro de 2013, servimos deliciosas marmitas vegan, saladas orgânicas, sucos e smoothies, sobremesas e lanches. Disponível na nossa cozinha, na CLN 406 bloco D loja 30 – subsolo ou delivery!!!! Temos produtos congelados ( pratos veganos e salgados, incluindo o pão de kejo, receita exclusiva!) e um mini empório onde vendemos alguns produtos como mandiokejo, salsicha e maionese vegetal, cogumelos
    Organicos, e vários produtos veganos!
    vegan-se.blogspot.com.br

    Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 63 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: