Duas novidades vegan que eu adoro e uma perda vegan que odeio

Inspirado na série do Angeli, vamos para uma rápida atualização vegetal. Como eu não sei (nem quero) ser tão cínico quanto o cartunista, inverti a proporção para o dobro de coisas que eu adoro e apenas metade que odeio.

Duas novidades vegan que eu adoro:

– Crepes veganos no Crepe au Chocolat

Por essa sua vidinha sem-graça vegana não esperava né? Quem manda a novidade é a nossa réporter investigativa, Marina Corbucci (em breve uma resenha/reflexão aqui do DV):

Oi Poney,

Seguinte, outro dia li na Revista Veja Brasília comer & beber que o Crepe au Chocolat está com essa nova linha de   crepes “light” (ai que saco esse nome!) que não contêm glúten, ovos nem leite na massa. Na revista só citavam recheios com carne, então resolvi ligar lá e perguntar tudo certinho.

Me informaram que havia dois crepes salgados com recheio sem carne: um de pasta de abóbora com shitake e cebola caramelizada e outro com antepasto de berinjela e abobrinha e um creme feito a partir de biomassa (feito com a polpa da banana verde cozida, coisa super nutritiva) e creme de soja.

Além disso, três crepes doces com chocolate de soja: um com banana, outro com morango e outro com castanha.A massa não leva nenhum produto de origem animal, apenas farinha de banana verde e água. Fui lá e provei os dois salgados e o de chocosoja com castanha.

Confesso que preferiria mil vezes uma massa com farinha de trigo, ficaria mais consistente e menos seca, mas nada assim tão reprovável (e uma ótima opção para meus conhecidos que evitam ou não podem comer glúten).
A biomassa com creme de soja tem uma textura super legal mas eu continuo achando que creme de soja não combina com comida salgada, muito doce e abaunilhado… Mas também nada que seja incomível! Também achei que o antepasto de berinjela poderia ser mais bem feito…

O de chocolate nem preciso falar né… Há quanto tempo eu desejava um crepe de chocolate!!!

Agora minha sugestão é para que as pessoas que resolvam provar os crepes deixem sua avaliação e possíveis sugestões (eles devem ter um formulário pra isso lá): eu por exemplo sugeriria recheios feitos com tofu (mais adequado que creme de soja), queijo de castanha, pasta de grão de bico… Além do que, não entendo porque coisas veganas têm que ser com chocolate de soja: o meio amargo da Garoto pra mim é uma opção bem melhor (menos doce), mais fácil e mais barata pra eles.

Também vale sugerir novas opções de recheios: tomate seco, palmito, shimeji, espinafre, crepes doces com sorvetes (sorbets) à base de água, calda de chocolate etc. E por que não? Um crepe vegano com glúten! hahaahahhaa!! Quem sabe até uma massa semi-integral, ficaria gostosa… Pena que na hora não pensei em pedir o formulário de sugestões, mas na próxima deixo com certeza.

Ficaadica!
Veganismo 10 x 0 falta de opções em Brasília

Hamburger de shitake e shimeji no Three Burgers

Ali na 413 Norte (quase uma meca do veganismo em Brasília) onde ficava o Cabíria Café e bem do ladinho do Ômega 3, acaba de abrir uma nova lanchonete de hamburgers com opção vegana, o Three Burgers. Conheci o estabelecimento por acaso, passei e resolvi dar uma de enxerido. Para minha grata surpresa, a resposta para minha pergunta toda sem jeito: “Vocês por acaso não teriam algum tipo de hambuger que de repente poderia ser preparado sem carne e tal?” foi uma calorosa: “Temos hamburger VEGAN, sim!” . Que felicidade. E o negócio é uma delícia. Uma resenha será publicada em breve.


 Uma perda vegan que odeio:

– Sem mais sanduíche vegano no Submore

É com muito pesar que passo a notícia que o Submore da Asa Norte (esquina da 115) mudou de nome, de proposta e de negócio e que o único (o único!) item do cardápio que foi retirado foi o sanduíche “Veggie”, a única (a única!) coisa vegana pronta que eles tinham pra oferecer. Sério, vai se lascar novo submore! Vai se lascar! Assim que eu conseguir o contato de lá, eu posto aqui pra todo esse exército de um homem só dos apreciadores do sanduíche veggie (eu) se pronunciar contra mais uma perda do nosso Distrito.

Leia a resenha da época que implementaram o sanduíche lá.

31 responses to this post.

  1. Posted by Edith on julho 20, 2011 at 12:17

    Ueba, boas novidades, Poney! Apesar da perda submorística…adorei o “vai se lascar, novo submore”! kkkkkkkkkkkk

    Responder

  2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk já mandei o submore, a subway, e muito outros há muito se lascar! Boas dicas Poney!! Vou provar esse crepe na 210 hj mesmo!

    Responder

  3. Esse hambúrguer vegano no Three Burgers eu já sacava, mas foi uma grata surpresa essa do Crepe Au Chocolat. Ainda não aparece no site deles, mas espero que atualizem lá também. Vou tentar conferir essa semana. E caso sirva como investigação vegana também, no final de semana passado eu descobri que, além dos sorvetes à base de frutas da Sorbê (que são veganos), existe um dos cremosos que também é: o de Pistache Diet. É uma delícia!

    Responder

  4. Posted by Edith on julho 22, 2011 at 14:41

    Que coisa, sempre via quase todos os sorvetes de frutas marcados como “com lactose” na Sorbê…mas vou voltar lá pra conferir!!

    Poney, ontem a Pizzaria Francesca inaugurou mais uma loja na Vila Planalto! Continua sendo só pra entrega, mas agora tá mais perto pra ir buscar, né? Pelo menos pros asa-nortistas como eu, haha… =)
    ó aqui: http://www.francesca.com.br/

    depois de juntar as fichas, matutar e ligar os pontos, me toquei que a Pizzaria Francesca é da irmã de uma amigona, e eu nem sabia que ela e o marido são veganos…ê Brasília réa pequena🙂
    Eu experimentei e mais que aprovei a vegana! A massa é uma delícia, o pesto é divino, hummmm…como há muitos sabores sem carne, acho que é tranquilíssimo pedir um deles sem queijo tb…

    E tô doida pra ir provar esses crepes! hummmmmm

    Responder

    • É só olhar direitinho lá. Um ou outro de fruta que tem leite: abacate, umbu (acho), coco… Mas a maioria, os mais tradicionais, são à base de água mesmo.

      Esse de pistache é muito bom. Eu desci lá na produção deles e pedi pra olhar a embalagem da pasta de pistache que eles usam pra fazer e não tem nada de origem animal, assim como a massa pra dar liga, que é de soja.

      Responder

      • Posted by poney on julho 22, 2011 at 15:00

        isso que é investigação!
        mande relatos de outras incursões pra gente! =)

      • Posted by Edith on julho 22, 2011 at 17:16

        é, sempre tem opções mesmo, gosto muito do sorvete deles! tb vou provar esse de pistache, valeu pelas dicas! \o/

  5. Posted by poney on julho 22, 2011 at 14:45

    caracas, Edith! obrigado! obrigado!
    essa é a melhor notícia do ano!!! hehe.

    semana passada eu finalmente enfrentei os 50 km que separavam minha casa da pizzaria, uma verdadeira jornada “em busca do vale encantado” e eu tava planejando que esse seria o próximo post aqui no DV.

    Responder

  6. Posted by Larissa on julho 27, 2011 at 18:06

    Parabéns pelo site! Ótima ótima ótima iniciativa!!!

    Responder

  7. Os crepes NÃO SÃO veganos. Decidi jantar hoje no Crepe Au Chocolat e quando cheguei lá, perguntei do que era feita a mssa. O rapaz me respondeu que era uma “farinha especial”. Daí eu insisti e falei: “Mas é farinha de quê?”, daí ele disse: “Vou pegar a embalagem pra mostrar.” Eles usam uma mistura chamada Preparado Aminna, ideal pra crepes, panquecas e afins:
    http://www.aminna.com.br/1.0/produtos.php?Fa%E7a%20voc%EA%20mesmo&9 – É o último produto da página. Leva ovo desidratado no preparo. Acabei indo jantar no Bhumi, na 113 Sul, que tem um sanduíche vegano delicioso, fora sobremesas veganas, tudo bem explicadinho no cardápio.

    Mel Portela

    Responder

    • Posted by poney on julho 28, 2011 at 13:13

      tem certeza que essa é a farinha usada para os crepes especiais? porque eu também perguntei e tive uma outra explicação totalmente diferente.

      é legal esse bhumi? me falaram muito mal dele.

      Responder

      • Tenho certeza, sim. Quando eu cheguei lá e perguntei, o rapaz falou assim primeiro: “Moça, é uma mistura especial, sem glúten e sem lactose.” Aí eu falei: “Mas é feita de quê?” e ele: “Se eu não me engano, é amido de milho, mas eu sei que é uma farinha especial”. Foi quando eu insisti: “Mas é farinha de quê?”. Aí, ele começou a ficar com aquela cara confusa, quando a pessoa não sabe dar a explicação muito bem e disse pro pessoal da cozinha, que estava preparando os crepes: “Pega lá a embalagem da mistura que usa pra fazer o crepe sem glúten e lactose pra moça aqui ver, por favor.” Aí eles trouxeram a embalagem desse Preparado Amina e me mostraram.

        Olha, o Bhumi não é um restaurante vegetariano. A proposta deles são os alimentos orgânicos. Mas, tem muita opção vegetariana no cardápio (pra quem é lacto vale a pena) e umas 3 ou 4 outras veganas. Quando vou lá, peço um sanduíche no pão folha integral (de fabricação própria deles) com recheio de ricota de tofu, carpaccio de abobrinha, pimentões assados e uma pasta de berinjela com tomilho. Tem uma parte só de sugestão de sobremesas veganas também. O couvert é vegano e eles deixam tudo explícito no cardápio: se é só orgânico, se é vegetariano e se é vegano. Já fui lá algumas vezes e não tenho do que reclamar.

  8. Posted by poney on julho 28, 2011 at 13:33

    pô, que pena, então.

    acho que vale a pena entrar em contato com o pessoal do Crepe au Chocolat pra explicar que o crepe que eles querem fazer “sem lactose” ainda não chegou lá.

    vou fazer isso.

    Responder

  9. Ah! Só pra completar: eu também tô achando isso do Crepe Au Chocolat meio “suspeito”. Porque quando eu liguei no da Asa Sul antes de ir, o rapaz me disse que a massa era à base de farinha de banana verde e soja.

    A não ser que no da 109 Norte eles estejam usando outra mistura…

    Tem que investigar direito pra saber.

    Responder

    • Posted by poney on julho 28, 2011 at 13:39

      pois é, o que me falaram era isso: “farinha de banana verde e soja”. acho que foi o que falaram pra Marina também.

      quero imaginar que eles estão bem-intencionados e dispostos a resolver isso.

      Responder

  10. Liguei agora na Asa Sul e pedi pro carinha pegar a embalagem do preparado e tirar a dúvida. É a mesma que me mostraram na Asa Norte, do Preparado Aminna. Ele leu no telefone os ingredientes e disse “ovo desidratado”.

    Responder

  11. Posted by Nellie on julho 28, 2011 at 15:13

    será que nesse blog tem alguém que goste de beber umas cervejas também? hehehe. pergunto isso, porque queria muito saber indicações de cervejas pretas veganas. alguém aqui sabe?

    Responder

  12. Posted by Edith on julho 28, 2011 at 19:32

    Que puxa, comi o danado do crepe ontem mesmo, e achei tão bom o purê de abóbora com shitake😦
    nem confirmei nada com eles sobre a massa, afe…

    Mas voltando às boas notícias – Poney, esqueci de te falar tb da Soham Alimentos Vegetarianos, eles entregam lanches congelados, todos vegetarianos e muitas opções veganas! Experimentei os quiches de brócolis com queijo de amêndoas e o de abobrinha com queijo de amêndoas, e samosas de legumes e castanhas…delícia! Não são enooormes, os quiches são pequenos, mas achei o preço legal. 3,50 os quiches, 1,50 a samosa…mas até agora só vi divulgação e contato pelo Facebook, tem que procurar por lá…é uma boa opção pra ter no congelador, tipo pra lanche mesmo…ah, e tb tem caldos!

    Abraços!
    Edith

    Responder

  13. Posted by Nellie on julho 29, 2011 at 10:20

    obrigada, Poney, pelos links postados. serão devidamente navegados.

    e ah, não moro em bsb, sou de Aracaju, mas sempre entro aqui porque acho teu blog massa demais e de grande serventia.🙂

    valeu!

    Responder

    • Posted by poney on julho 29, 2011 at 13:13

      Nellie, você não gostaria de mandar pra gente um rápido guia pra comer veganamente em Aracaju? seria demais!

      Responder

  14. Posted by Nellie on julho 29, 2011 at 14:02

    me passa teu email que te mando alguma coisa sobre…não prometo nada rebuscado e rico em detalhes como é aqui no distrito vegetal, mas me esforçarei.🙂

    Responder

  15. Posted by Roberto Muniz on agosto 17, 2011 at 1:03

    O Submore da sul ainda tem o veggie, muito bom. E também dá pra pedir o vegetariano sem a mussarela, o molho ao pesto eles dizem não ter queijo.

    Responder

  16. Posted by Foca on agosto 23, 2011 at 3:04

    hoje comi no Crepe Au Chocolat da 108 norte, o crepe em si é bom, porém achei muito caro, custa 20 reais um mísero crepe e não mata a fome, pelo menos não matou a minha, tanto que sai de lá e bati um Hamburger Vegetal no Skys.

    achei meio sem noção a relação tamanho X valor.

    beijos

    Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: