Francesca Pizzaria – veganismo como ressocialização e reencantamento

Quem aqui já encarou 70 km de estrada apenas para conseguir uma coisa parecida com que a maioria das pessoas consegue todas as noites apenas com um telefonema? Eu.

Foi mais ou menos essa a dimensão da jornada para conseguir experimentar o que talvez seja a melhor pizza vegan da cidade:  a da Francesca Pizzaria.

Essa história de gostar de comida vegan nos acomete com hábitos cada vez mais estranhos. Mas o legal é quando essa estranheza serve mais para nos reconectar com outras pessoas (humanas ou não, veganas ou não) do que afastar. Eu já escrevi anteriormente como o veganismo pode ser um exercício de misantropia, isso porque comer é muitas vezes mais uma prática de socialização do que apenas o saciamento de uma necessidade. E quando você prefere não comer o que a maioria das pessoas adora comer, o isolamento parece ser um caminho natural. Então, acho bacana demais encontrar formas de aliar minhas crenças e ética com as práticas sociais que moldaram meu caráter.

Comer uma pizza num domingo à noite caprichando no catchup (para horror dos paulistas, puristas) é uma dessas pedras fundamentais da minha constituição.

E poxa, agora com uma opção de pizza, uma opção de cachorro quente, um café todinho vegan, etc. talvez todos aqueles encontros de família ou outras situações que você fica se sentindo a verdadeira ovelinha do Minor Threat, sejam bem mais fáceis de se digerir. Ou pelo menos dá pra ficar sem conversar com a desculpa de que está de boca cheia. É uma boa estratégia.

Bem, durante a jornada que motivou esse post (com toques de “em busca do vale encantado“) atrás da tão sonhada pizza vegana, eu pensava não apenas na potencialidade de ressocialização que é voltar a comer pizza, mas também na capacidade mágica do veganismo fazer a gente ver o mundo com outros olhos. Mais especificamente, eu estava impressionado com a minha própria disposição de fazer tanto esforço simplesmente pra não comer uma pizza tradicional. Penso que esse é um poder de negação (que pode ser politicamente muito interessante) bastante forte.

Ao mesmo tempo, essa negação só é possível porque está em dinâmica constante com uma afirmação. E eu nem me refiro à uma espécie de “orgulho vegan” ou algo do tipo (esse tipo de coisa não me agrada muito), mas sim uma coisa mais simples: o veganismo me faz preferir não comer certas coisas porque me faz preferir comer muitas outras. Parece banal, né? Mas não é não.

Aí entra a tal capacidade do veganismo torcer o olhar. Sem você perceber, o mundo inteiro a sua volta está sendo reencantado com isso. Quem já experimentou a felicidade de descobrir um novo biscoito sem ovos, ou um novo sorvete de fruta sem leite sabe o que é isso. Comer uma pizza pode ser a coisa mais banal do mundo pra maioria das pessoas. Não pra mim. Pra mim, é uma fonte de felicidade plena. E nesse mundo em que as exigências são cada vez mais complexas,  a insatisfação parece uma constante e a felicidade um projeto impossível, se encantar com uma coisa tão simples quanto comer uma pizza ouvindo um disco punk, é demais.

Mas então, falando da comida da Francesca em si, a pizza vegana (é, tem esse nome!) é uma mistura de tofu, castanha e pesto deliciosa. Você também pode pedir pra fazer outros sabores com tofu temperado, sugiro fortemente a de cogumelos selvagens. O dono da pizzaria, o João, é um cara super gente-fina, entusiasta do veganismo e promove muitas coisas bacanas com a Francesca além dos sabores sem queijo. Eles evitam ao máximo produtos industrializados, utilizam vegetais orgânicos,  plantados por eles mesmo e por pequenos agricultores, dão desconto para membros da SVB e até dispensaram o forno a lenha pra evitar a queima de carbono.

Ah, e o melhor eu deixei pro final, é claro. Eles acabaram de abrir uma filial na Vila Planalto. Então nunca mais vou precisar encarar os 70 km por 8 fatias de pizza (o que eu faria de novo com prazer). Só os 1174 km que separam a minha casa da comida crudívora no Rio de Janeiro. Eita disposição.

Francesca Pizzaria:
Lago Sul –  3367-3367

Vila Planalto – 3306-1414
http://www.francesca.com.br/


Pizza!

16 responses to this post.

  1. Chega nos emocionamos com o relato! Parabéns pelo site também.. somos grandes fãs.. Nossa sorte é que ele não está a 70km da gente, está só à distância de uns toques no computador.. Mas se estivesse a 100km, valeria a pena também!🙂
    Joao e Tati
    Francesca

    Responder

    • Posted by poney on agosto 19, 2011 at 13:06

      poxa, que legal que vocês acharam o post antes mesmo de eu precisar enviar pra vocês, pessoal! Eu é que agradeço pela pizza maravilhosa! Vida Longa a Francesca!

      Responder

  2. Posted by Josi on agosto 19, 2011 at 13:37

    Eu tô louca pra provar!!! E acho que será hoje! Eta felicidadeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee!
    Bjo bjo bjo

    Responder

  3. Posted by Jully on agosto 19, 2011 at 17:58

    Essa pizza de cogumelos é sensacional, minha preferida!

    Responder

  4. Posted by veganicecandanga on agosto 19, 2011 at 23:25

    Post poético, inspiração pura! Hehehe
    Assim que der, eu passo na Francesca pra comprar essa pizza vegana. É reconfortante saber que existe essa dádiva da culinária em um (aliás, 2 agora, né?) cantinho de Brasília só para nós.

    Responder

  5. Posted by Andrei Dignart on agosto 20, 2011 at 1:38

    catchup???

    Responder

  6. Posted by Edith on agosto 22, 2011 at 13:18

    é uma dilíça!! ontem comi de novo! nham nham nham🙂

    Responder

  7. Posted by Luara Leão on agosto 24, 2011 at 15:16

    PONEY PONEY! VC NÃO PRECISA RODAR TANTO ASSIM! ó cara, se eu soubesse que vc tava nessa abstinência tinha comentado aqui antes sobre isso mas ó, Não são pizarias veganas que eu vou citar mas tem ótimas opções: Tem uma pizaria (dessas que faz mais pra entregar em casa por 10 conto sabe?) ao lado da cult video da 107 norte (quadra do beirut) que vc pode pedir sem queijo e ainda substituir, tipo: eu quero uma pizza de palmito, no lugar do queijo quero tomate seco. A massa não leva ovo, a moça me garantiu! Já pedi pizza assim na valentina( na quadra da chilli pepper da norte, que eu não lembro o número) e na bacco, lá na bacco o moço também me falou que não tem nada animal na massa. Eu sugiro a pizza de abobrinha e a de shitake! Sempre que volto as pizzarias eu pergunto denovo sobre a massa pq vai que mudou o cozinheiro…..
    Mas é isso aí! Depois de ler sobre essa seca sua por pizza já sei o que vou te dar de anivesário!
    Abração, Luara 🙂
    ps- tem o natureto da sul tbm né? Nunca fui, mas um povo fala que tem opção vegan e é bom!

    Responder

    • Posted by poney on agosto 24, 2011 at 20:02

      hehe! valeu, luara!
      mas, então, assim que eu comecei com esse negócio de veganismo eu sempre pedia umas pizzas assim, sem queijo, na maioria dos lugares a massa é vegan, então dá pra adaptar em um monte de estabelecimento. a gente fez até uma listinha dos melhores lugares aqui no blog.

      o foda é que é sempre aquela coisa meio sem graça, né? só uma massa com vegetais, geralmente seca pra caramba! mesmo no Naturetto, que rola um tofu, a parada é sem gosto pra caracas, tem que tacar muito sal, shoyu e catchup pra conseguir engolir. hehe.

      a da francesca não, já é pensadinha pra quem não quer comer queijo e fica uma delícia assim. =)

      de qualquer maneira, obrigado pela sua preocupação! hehe.

      Responder

  8. Posted by Naiara on agosto 25, 2011 at 0:21

    Já sou vegetariana a uns anos, mas me tornei vegana a bem pouco tempo. Mesmo sendo pouco tempo, a pizza já me fazia falta, eu que era viciada em queijo. Depois que vi esse post experimentei a pizza vegana da Francesca e pude sentir um pouco dessa emoção, desse prazer em uma coisa tão simples como uma pizza. Parabéns pelo blog!

    Responder

    • Posted by poney on agosto 25, 2011 at 13:21

      que fera, Naiara!
      acho que esse seu pequeno comentário captou tudo que eu queria expressar com o post! valeu!

      Responder

  9. Poxa, fera de mais o post! Só não achei o endereço deles na Vila Planalto… mas completando o que a Laura falou, também já pedi na Bacco e na Valentina e são muito boas! Mas no Naturetto, todas as pizzas levam leite galera! Perguntei para um brother que trabalha na cozinha… essa estória de pizza vegan lá é furada…

    Em Águas Claras descobri uma chamada “Cozinha Italiana ou coisa parecida” em frente a estação do metro Arniqueiras que também faz uma opção vegan! Muito gostosa e preço legal! hjehehee

    Responder

    • A Francesca é apenas DElivery. Mas pode vir buscar aqui na Vila, basta ligar antes no 3306-1414.. ficamos na rua principal, descendo em direcao aos hoteis, logo depois da igreja católica de madeira (famosa aqui) uns 30 metros depois, ao lado de uma loja de lanchas e de uma lavanderia (lavflex). Dar o endereco nao adiantaria nada.. ninguem aqui acha pelo endereco. hehe

      Responder

  10. Poney, você é o cara! Além de apontar o caminho das pedras pra não apenas a sobrevivência como também a felicidade vegana, ainda o faz de modo poético. Ainda tava me faltando disposição pra encarar ir pra QI 48 do Lago Sul pra comer na Francesca e você revela que ela veio ( quase) a mim.

    Responder

  11. Essa pizzaria é uma delíiicia !!!!!!! Ser vegetariana é muito difícil no RJ, não temos muitas opçoes. Fiquei feliz em encontrar a Francesca aqui em Bsb.

    Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: